18 de fev de 2009

Advogada do diabo

É. Parece que a farsa chegou ao fim. A pernambucana Paula Oliveira, de 26 anos, parece ter assumido para a polícia Suíça que forjou o ataque supostamente realizado por skinheads nacionalistas.

Ela admitiu que fez isso porque sabia que na Suíça, vitimas de agressões são indenizadas com 50 a 100 mil francos suíços e a simulação da gravidez foi para trazer um agravante e facilitar o processo de indenização.

Essa palhaçada está chegando ao fim e espero que ela pegue uns bons anos de xilindró pra deixar de ser BURRA. Aliás, ela só pode ter se formado na Universo, porque uma ADVOGADA na SUÍÇA, que pelo perfil do país deve ter uma polícia bastante eficiente e uma perícia extremamente eficaz, realmente beira o ridiculo.

Por que ela não fez isso aqui no Brasil? Se por um lado ia levar uns 10 anos pra ela ser indenizada, por outro jamais alguém conseguiria provar alguma coisa contra ela. Isso só mostra o quão inescrupuloso e idiota um brasileiro pode ser, pois se uma figura dessas graduada em DIREITO e residete na SUÍÇA, um país com um IDH infinitamente superior ao do Brasil consegue armar um circo desses, avalie gente sem educação e miserável.

Notícia completa aqui no Bol.

2 comentários:

Laura disse...

Sinto vergonha. Aliás, mais vergonha... porque a imagem que fazem do brasileiro já não é boa nem no Brasil, imagine na Europa.

E vamos nos defender como? Se, contra fatos, não há argumentos? Infelizmente. Porque não é novidade brasileiro se meter em tramóia para subir rápido na vida. Via de regra, brasileiro vive querendo dar jeitinho em tudo e tem gente que bate palmas.

Foda.

Anônimo disse...

E ela estudou na FEDERAL